Resenha “Lola e o Garoto da Casa ao Lado” – Stephanie Perkins – Editora Novo Conceito

lolaSinopse: “Tenho três desejos bem simples. Sem dúvida, pedir por eles não é demais. O primeiro é participar do baile de inverno vestida de Maria Antonieta. Quero uma peruca que, de tão trabalhada, poderia engaiolar um pássaro e um vestido tão largo que eu só serei capaz de entrar no salão através de portas duplas.
Mas quando eu chegar lá, vou segurar as saias no alto para revelar um par de coturnos de plataforma, só para que todo mundo veja que, por baixo dos babados, sou durona feito punk rock.
O segundo é que meus pais aprovem meu namorado. Eles o odeiam. Odeiam seu cabelo descolorido, sempre com raízes escuras, e odeiam seus braços, tatuados com teias de aranha e estrelas. Dizem que ele tem um ar de superioridade e um sorrisinho presunçoso. E estão fartos de ouvir a música que ele toca explodindo de meu quarto e cansados de brigar por causa da hora que eu devia voltar para casa sempre que saio para ver a banda dele tocar em clubes.
E meu terceiro desejo?
Nunca, jamais, em hipótese alguma, voltar a ver os gêmeos Bell. Nunca mais.”
A designer-revelação Lola Nolan não acredita em moda… Acredita em trajes. Quanto mais expressiva for a roupa, mais brilhante, mais divertida, mas selvagem, melhor. No entanto, apesar de o estilo de Lola ser bizarro, ela é uma filha e amiga dedicada, com grandes planos para o futuro. E tudo está perfeito (mesmo com seu namorado roqueiro), até os gêmeos Bell, Calliope e Cricket, voltarem ao seu bairro.
Quando Cricket, um inventor habilidoso, sai da sombra de sua irmã gêmea e volta para a vida de Lola, ela finalmente precisa lidar com uma vida de sentimentos pelo garoto da casa ao lado.
Minha opinião:
Pensei muito sobre como escrever essa resenha, meu lado “adolescente”, amou o livro, então porque estou pensando tanto?
 
Deve ser porque meu lado questionador está se perguntando ” Você já não leu essa história? ” 
Pois é a sensação que tenho agora é exatamente essa, enredos diferentes, lugares diferentes, personagens diferentes, mas o mesmo drama, só que dessa vez quem tem um relacionamento  é ela, a garota.
Pra quem leu ” Anna e o Beijo Francês” o final fica meio obvio, pra quem ainda não leu apesar de não ser uma continuidade, se pretende ler os dois livros, comece com “Anna e o Beijo Francês”, porque os personagens aparecem nesse livro, e se você ler fora da ordem o primeiro livro perderá a “magia”.
Lola e o Garoto da Casa ao Lado é uma história sobre o primeiro amor e as frustrações causadas por ele. É um livro gostoso de ser lido, apesar de toda a enrolação, mas se pensarmos que estamos em um universo de uma garota de 17 anos, entendemos o porque, nessa idade transformamos tudo em um grande drama.
Lola Nolan é uma garota que foge do convencional, sua resolução de ano novo é não usar a mesma roupa duas vezes. Está sempre com um modelito único e perucas coloridas, não acredita em moda e sim em figurinos. O jeito Lola de ser. Filha de pais homossexuais, tem sérios problemas de relacionamento com a mãe biológica. Mas é uma menina doce, uma amiga sincera e teve uma grande desilusão com os gêmeos Bell, a dois anos atrás, por este motivo deseja não encontra-los novamente.
Dúvida: ” Será que existe um exemplar de Cricket Bell andando por aí? O menino é meigo, sincero, amigo, alto e lindo… da vontade de ter 17 anos novamente (risos). Não tem como não torcer para que os dois fiquem juntos.
A história toda fica muito previsível quando Cricket volta a morar na casa co lado de Lola, eles se reaproximam e Lola se vê apaixonada novamente pelo amigo, só temos um problema Lola namora Max, que é cantor de uma banda e tem 22 anos, no começo do livro eu até gostei do jeito de Max, mas no final senti muita raiva dele.
Eu gostei muito do livro, apesar da sensação de já ter lido, adorei a Anna e o St.Clair terem aparecido em várias cenas, é como se pudéssemos dar uma espiada na “história após a história”. 
Pra quem quer uma leitura despretensiosa, leve e divertida, eu recomendo Lola e o Garoto da Casa ao Lado.
 
 
 
 
 
by Patty Santos
 
Resenha 07/2013

2 pensamentos sobre “Resenha “Lola e o Garoto da Casa ao Lado” – Stephanie Perkins – Editora Novo Conceito

  1. Já vi quem leu e achou lindo. E já vi quem disse que o livro é legal, mas nem chega aos pés de Anna e o Beijo Francês. Como não li nenhum dos dois, não posso opinar. Mas tenho uma vontade enorme de ler os livros da Stephanie Perkins.
    Assim que encontrar alguns deles para troca pelo Skoob, eu vou pegar!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s